NOVIDADES › NEUROLOGIA

Síndrome das Pernas Inquietas (SPI)

A Síndrome das Pernas Inquietas (SPI) é uma condição do sistema nervoso que provoca um impulso irresistível de mover as pernas. Pessoas com SPI podem descrever uma sensação profunda de ardor, formigamento e/ou tensão dolorosa em suas pernas. Os sintomas da SPI pioram no final da tarde e à noite, o que pode levar a problemas de sono. Os sintomas também podem ocorrer durante o dia, especialmente depois de permanecer sentado por um longo tempo. Os sintomas da SPI são mais frequentemente de um lado, mas podem mudar de um lado para outro ou afetar ambos os lados ao mesmo tempo.

 

A síndrome das pernas inquietas pode ser primária ou secundária (também chamada sintomática). A maioria dos casos é primária. A SPI primária não tem causa óbvia, mas muitas vezes ocorre em famílias. Há algumas evidências de metabolismo alterado de dopamina e/ou ferro.

 

Formas secundárias de SPI são causadas por uma condição de saúde subjacente. Algumas dessas condições incluem deficiência de ferro, insuficiência renal, uso de alguns medicamentos e algumas neuropatias. Sintomas de SPI podem ocorrer durante a gravidez e, em seguida, desaparecem após o parto.

 

O diagnóstico é baseado na presença das quatro observações abaixo:

 

      Há uma vontade de moveras pernas acompanhada, muitas vezes, de sensações incômodas. 

      Os sintomas são piores ou presentes apenas em repouso.

      Os sintomas são parcialmente ou totalmente aliviados pelo movimento.

      Os sintomas são piores no final da tarde ou à noite.

 

Em relação tratamento, não há cura para SPI, mas há tratamentos eficazes. Em alguns casos, a causa dos sintomas pode ser encontrada. O tratamento é então focado em abordar o problema subjacente. As medicações neurológicas utilizadas para o tratamento da SPI geralmente são tomadas no período do jantar, antes que os sintomas comecem. Eles também podem ser tomados no início do dia, se necessário. O paciente deve consultar um especialista se os sintomas piorarem o suficiente para prejudicar a sua qualidade de vida durante o dia.

 

Além das medicações, os pacientes com SPI podem fazer o seguinte para ajudar a aliviar os sintomas:

 

   Evitar medicamentos que podem piorar os sintomas. Estes incluem os anti-histamínicos não prescritos utilizados para alergias e problemas de sono, antagonistas da dopamina utilizados para reduzir a náusea, e alguns tipos de antidepressivos. 

      O exercício pode ajudar, especialmente porque ajuda a proporcionar sono restaurador.

      Algumas pessoas encontram alívio em massagear suas pernas com creme ou em aplicar compressas quentes/frias. 

 




Eu
Consultório
Clínica Neurológica
Trav. Dom Romualdo de Seixas, 1698
Ed. Zion Business, sala 2303
CEP: 66055-200, Bairro Umarizal
Belém-Pará-Brasil
Veja como chegar
Fone: (91) 3038-1088
Email: caflobao@yahoo.com.br
Ambulatório Hospitalar
Hospital Saúde da Mulher
Trav. do Chaco, 1503, 1º andar
CEP: 66085-220, Bairro Marco
Belém-Pará-Brasil
Veja como chegar
Fone: (91) 3181 7000 | 3239 9000
Ambulatório Hospitalar
Hospital Porto Dias PRIME
Trav. Mauriti, 3111, Bloco D - 2º andar - Consultório 04
CEP: 66093-020, Bairro Marco
Belém-Pará-Brasil
Veja como chegar
Fone: (91) 3184 9999 | (91) 3084 3000 | (91) 99919 3232
Copyright @ 2012 - Todos os direitos reservados